Diminua Gordura Visceral com Exercícios Regulares!

freedigitalphotos.net

O excesso de gordura na região intra-abdominal, também conhecida como gordura visceral, está associado ao acometimento de doenças metabólicas e cardiovasculares, principalmente diabetes, pressão alta e alterações nas taxas de colesterol e triglicerídeos sanguíneos.

O aumento da gordura visceral aumenta a produção de ácidos graxos livres circulantes, o que afeta diretamente o fígado, que passa a não funcionar adequadamente. O mau funcionamento do fígado provoca aumento das taxas de insulina no sangue, o que aumento do risco de desenvolvimento de diabetes mellitus.

O excesso de insulina no sangue também está associado ao aumento da concentração de lipídios plasmáticos e aumento da pressão arterial.

No caso das mulheres, a menopausa representa um marco que determina mudanças importantes no funcionamento do seu corpo, ocasionando aumento na prevalência de doenças cardiovasculares quando comparadas a fase pré-menopausa.  A diminuição na produção do hormônio estrogênio está associada ao aumento da massa gorda e dos níveis de adiposidade, especialmente na região central do corpo.

Diversos estudos têm apontado que a prática de atividades físicas de forma regular e orientada tem influência positiva sobre todos esses fatores, melhorando os níveis de saúde física e emocional de homens e mulheres em todas as idades e especialmente das mulheres na pós menopausa, sendo  um dos recursos mais eficientes para reduzir os níveis de gordura visceral, especialmente quendo associada à uma alimentação balanceada.

Mas afinal, qual a quantidade de exercícios semanal necessária para promover a diminuição da gordura visceral? E quais os tipos de exercícios mais indicados?

Recentes investigações tem demonstrado que a quantidade de 185 a 285 minutos por semana (de 30 a 60 minutos por dia em 5 dias da semana) de atividade física moderada (frequência cardíaca de treino entre 70 e 85% da frequência cardíaca máxima) são indicados para promover diminuição da gordura visceral e todos os benefícios associados.

O programa de exercícios deve incluir atividades aeróbicas como caminhada, corrida, ciclismo, natação, lutas e jogos coletivos (futebol, vôlei, basquete, etc), exercícios posturais e de fortalecimento muscular (musculação, Pilates e Treinamento Funcional) e exercícios de alongamento.

Além do exercício regular, optar por alimentos menos gordurosos e calóricos, fracionar a dieta e controlar os níveis de estresse são fundamentais para a manutenção de corpo e mente saudáveis e livres de gorduras em excesso que comprometem o seu bom funcionamento.

Por Vinicius Heine

Categorias: Emagrecimento, Qualidade de Vida, Saúde

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>